-BLOG NÃO OFICIAL-

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Sinais do Apocalipse

 Após o arrebatamento da Igreja terá início um período de grande sofrimento, angústia, dor, desespero e perseguição sem paralelo em toda a história da humanidade. Esse período corresponde à septuagésima semana de Daniel, ou seja, à última das setenta semanas preditas em Daniel 9.24-27. As forças do mal estarão operando em toda a Terra. Por outro lado, é o período em que Deus derramará seus juízos.

 O Arrebatamento da Igreja, só será percebido, porque milhões de pessoas desaparecerão da face da terra (os salvos). Cristo não será visível nesse momento para os que aqui ficarem, pois essa ainda não é a Segunda Vinda de Cristo à terra e sim o evento do Arrebatamento da Igreja, que durará Sete anos (sete anos com Cristo, fora da terra). 

 A Segunda Vinda de Cristo, só ocorrerá após sete anos de Arrebatada à Igreja (7 anos de governo diabólico na Terra). 

Após terem se passado 7 anos do Arrebatamento da Igreja por Jesus Cristo (primeiros 3 anos e meio de 
aparente paz e após 3 anos e meio de muita tribulação aqui na terra), ai sim ocorrerá a Segunda Vinda de 
Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo à Terra. Nesse período de 7 anos, ainda haverá salvação pelo sangue de Cristo Jesus, conforme AP 7:14 "E eu disse-lhe: Senhor, tu sabes. E ele disse-me: Estes são os que vieram da grande tribulação, e lavaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro." 


 E virão os Sinais do Apocalipse (após o arrebatamento da igreja):
Revelação
Fome
Contestação para com religiosos.
Perseguição.
Espiões em meio aos cristãos.
Extinção da Palavra de Deus.
Ausência do Espírito Santo.
Caos.
A Marca da Besta.
A descoberta da verdadeira face do Governante.
 Anteriormente ao Arrebatamento, enquanto a igreja permanece na terra, o Espírito Santo está presente e intercede pelos cristãos, o que não haverá após o Arrebatamento da igreja.
Na grande tribulação, os que permanecerem na terra e não negarem a Cristo, provavelmente darão a vida para conseguir obter a salvação.
A marca da besta será introduzida em todos os lugares, e sem ela não será possível conseguir alimento para a sobrevivência, mantimentos, atravessar fronteiras. Haverá perseguição por parte do governo universal da Besta e a maioria dos cristãos que estiverem na terra nessa época morrerão, ou por não negarem a Cristo ou por se negarem a obter a marca da Besta. E, por medo de serem mortos, muitos negarão a Cristo.
Os que permanecerem firmes, e manterem a sua fé em Jesus Cristo, e não cederem ao Governo da Besta, serão salvos. No Entanto o caos e a perseguição será tamanha, que poucos conseguirão subir ao reino dos céus.